O CORPO MUSCULAR IDEAL, PARTE 2: TAMANHO MUSCULAR E DISTINÇÃO

O que torna um fisioculturista digno de ser coroado campeão?

Na primeira parte da nossa série, discutimos os principais traços que os juízes procuram nos profissionais e amadores fisioculturistas.

Descobrimos a importância de desenvolver a “forma X”, bem como a construção de massa muscular ao redor das articulações por forma a que elas pareçam pequenas em comparação às fibras musculares anexadas a elas.

O Post de hoje, abrange o segundo conjunto de características ideais dos fisioculturistas para que estejam prontos a competir.

O segundo conjunto

  1. O fator Massa

Ver o veterano Sr Olympias no pico da sua forma, durante a época de competição pode ser uma experiência de tirar o fôlego.

Normalmente, fisioculturistas profissionais ganham cerca de 18 quilos de massa muscular durante a sua temporada de competições, com sessões de treino. O Sr Olympias tem muitas vezes peso acima: a maioria pesa pelo menos 90 Kg mas tem rácios de gordura corporal extremamente baixos.

Quando estiver em “cut” ou diminuição de massa gorda, pode acabar com o seu “peso seco” ou com “peso de competição”.

O peso seco de um fisioculturista, também pode ser considerado como um indicador do seu sucesso na obtenção de massa muscular. Se um dos fisioculturistas é capaz de diminuir o seu peso até 14 Kg durante o cut, significa que foi capaz de ganhar 14 Kg de massa muscular magra!

O tamanho realmente importa em competições profissionais e amadoras de musculação. O objectivo é alcançar as seguintes medidas e ao fazê-lo, estará pronto para começar a concorrer em breve:

  • Perímetro do braço – 51 cm
  • Largura do tórax – 127 cm.
  • Perímetro do gémeo – 51 cm.
  • Coxa cintura – 72 cm.

Tome nota de que o tamanho é um fator de grande importância, mas a estética global de seus músculos também é relevante.

Alguns profissionais internacionais têm estas dimensões musculares, mas também têm um rácio muito mais elevado de gordura corporal em comparação com fisioculturistas que competem.

O que eu estou a dizer é que os seus músculos têm de ser “grandes e definidos” que é a aparência que os juízes adoram. Você pode alcançar isso, diminuindo o seu rácio de gordura corporal, ao mesmo tempo que aumenta o consumo de proteínas, e mantém um elevado grau de disciplina de treino.

Além disso, dependendo do seu tipo de corpo, você pode aumentar ou diminuir as suas séries, garantindo que o corpo não entra em catabolismo colocando em causa os seus ganhos.

  1. Equilibrio muscular

As competições de Musculação são normalmente eventos altamente visuais e em que o uso de elementos estéticos é frequentemente utilizado para avaliar o impacto global dos fisioculturistas. Na seção anterior, você aprendeu que a massa muscular desempenha um papel importante na construção da aparência geral de um fisioculturista. Você não consegue desenvolver o corpo em formato de “X “, sem grandes músculos.

Quando consegue finalmente alcançar o “X “, é tempo para trabalhar o equilíbrio entre as regiões superiores e inferiores do seu corpo.

O mesmo princípio se aplica para os lados esquerdo e direito do seu corpo. Apesar de não ser realista a ideia de alcançar bíceps completamente idênticos, deve haver uma notável semelhança entre os músculos do lado esquerdo e do lado direito.

Se você quiser um modelo ideal para proporção, tente estudar as estátuas Clássicas da Grécia Antiga. Estas estátuas musculadas são consideradas verdadeiros modelos de uma fisionomia em formato “X”.

  1. Aparência muscular e Projeção

O aspecto da superfície dos músculos também é analisado durante as competições. Aqui estão algumas orientações essenciais para avançar no caminho certo:

1.    Comprimento muscular trabalhe no sentido de desenvolver a musculatura que se estende de articulação a articulação. Isso é realmente mais desafiador do que parece, porque a inserção de determinados músculos são definidos pelo ADN de uma pessoa.

Se você tiver fibras musculares mais curtas e os espaços entre os músculos for demasiado perceptível, o máximo que pode fazer é obter mais massa para compensar essas lacunas.

  1. Vasos sanguíneos Isso pode parecer maluquice para quem não não-fisioculturistas mas a vascularização realmente melhora o aspecto de fibras musculares tornando-as mais proeminentes. Fisioculturistas profissionais dão o seu melhor para tornar a sua vascularização natural mais visível, sempre que contraem os músculos.

Além do mérito estético de ter vasos sanguíneos completamente inchados de cada vez que contraem os músculos, os juízes também consideram a vascularização um claro sinal de que o fisiculturista atingiu uma proporção ideal de gordura corporal e músculo.

  1. Distinção Tal como mencionei anteriormente, o seu rácio de gordura corporal importa. Os juízes em competições de musculação não vão andar atrás de si com uma pinça de medição de gordura – eles vão basear a sua análise puramente no que é observável.

A gordura corporal esconde naturalmente a definição dos músculos, por isso é que o estriamento é tão importante. O estriamento é um marcador distinto que vai ajudar a distinguir os padrões de cada grupo muscular. Quanto mais profundo e distinto for o estriamento nos músculos, mais visíveis eles serão e logicamente, melhor estará em competição.

Comentários

© 2016 Nuno Carvalho Fitness | Afiliados | Privacidade

Pin It on Pinterest

Share This

Descubra o caminho
para uma vida saudável

Insira o seu email abaixo e comece hoje mesmo a mudar a sua vida!

Receba Estes 4 eBooks Grátis no seu email!

Subscreva a newsletter e receba de forma completamente gratuita:

=> Suplementação Simplificada

=> Os principais erros da Musculação e Fitness

=> Como definir abdominais rapidamente

=> 15 Receitas para Transformar o seu Corpo

redirect=/agradecimento